22 de ago de 2012

Castração é maldade? Conheçam o Torto

Castração, para mim, é a unica forma realmente efetiva, rápida e humana para evitar as tristezas que acometem um bichinho. Um animal castrado será mais feliz, saudável ( sem tumores ou infecções em seus órgãos reprodutores ) terá pelo menos 5 anos a mais em estimativa de vida. 

Não irá fugir, brigar nas ruas ou morrer atropelado ao procurar um parceiro na época do cio e, o mais importante, um cão ou gato castrado não será um perpetuador de filhotes sofrendo nas ruas sem destino certo. 

Nas ultimas 2 semanas, após termos esterilizado 98% dos gatos da colônia inicial, partimos as atividades do Felinos Urbanos para um ponto turístico bem conhecido em São Luís, o Reviver. Lá existem várias lojas de artesanato nos casarões históricos e entre essas ruas dezenas de gatos abandonados. Alguns são ariscos ( nasceram na região ) outros mais mansos, indicando que foram abandonados no local, infelizmente, uma pratica bem comum. 

Neste final de semana completamos nossos 16 gatos beneficiados no Reviver, sendo que um deles, o Torto, personifica TUDO de ruim que pode acontecer a um gato não-castrado e quem tem acesso à rua. 

O Torto é conhecido assim no Reviver pelo pessoal que trabalha e frequenta a área. Ele se movimentava de maneira super estranha, quase retorcida, tanto o corpo quanto a cabeça. Quando o vi pela primeira vez, tive certeza que ele estava com alguma infecção no ouvido que lhe tirou o equilíbrio e ele também mancava da pata traseira, mas nunca imaginei a real extensão de seus ferimentos até conseguir capturá-lo e levá-lo para a clinica. 

Tortinho no dia da captura 
analise dental, ele possui uns 7 anos de idade 
patinha destroçada, a unha deste dedo está segura apenas pela parte superior da pele 
na hora do banho descobrimos este abcesso imenso e profundo, causado por mordida.
Torto após o banho, já castrado 

O abcesso nas costas do Torto é quase da profundidade e largura de um dedo. Somente em meia hora de manejo, a infecção que expurgava precisou ser limpa 3 vezes seguidas. Ontem ele passou por outras 3 sessões de curativos. Não estamos poupando esforços para cuidar do Torto, mesmo diante da agressividade dele. 

Todos os gatos do Reviver necessitaram de atendimento veterinário além da castração. A maioria está com sarna, as fêmeas com problemas uterinos ( algumas receberam aplicação de anticoncepcional pelos comerciantes ) , os machos estão com ferimentos infeccionados. Eles necessitam de internação antes da soltura, o que tira MUITO dos recursos do projeto, que já são tão poucos. 

O mais triste é saber que todos esses problemas infligidos a estes animais poderiam ser evitados se aqui houvesse uma campanha de castração para os cães e gatos da cidade ou se as pessoas ao menos tivessem em si esse tipo de responsabilidade. 

O Tortinho não tem previsão de alta ainda, mas está sendo cuidado por veterinários super atenciosos e competentes e temos certeza de que ele voltará ao Reviver são e salvo. 

Espero sinceramente que todo o sofrimento do Torto não seja em vão e que sua história faça com que as pessoas compreendam que lugar de bicho é em casa, castrado e seguro e que somente nós, com esse cérebro pensante, podemos evitar essas tristezas. 


"A grandeza de uma nação e seu progresso moral 
podem ser julgados pelo modo como seus animais são tratados."

Mahatma Gandhi



5 comentários:

  1. Pois é! E ainda tem gente que acha que castrar é maldade... mto bom esse texto e o exemplo, apesar de triste, é mto real. Boa sorte pro Torto de hoje em diante!
    Denise

    ResponderExcluir
  2. Torcendo para o Tortinho ficar bem. lindo trabalho, castrar é fundamental para a vida dos nossos queridos bichinhos.

    ResponderExcluir
  3. Parabéns que Deus te abençoe muito.

    ResponderExcluir
  4. O Gato de minha mãe é castrado e ainda foge à noite. É horrivel a espera até o dia seguinte para saber se ela esta bem. Porque será que ele continua fugindo?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pq castração nao arranca as pernas :/ enquanto tiver COMO, ele irá para as ruas, para patrulhar e defender o territorio, nao para reproduzir. e em breve ele vai ser atropelado, envenenado ou outra coisa trágica por aí

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.