3 de mar de 2014

A importância dos exames de sangue de rotina

Apesar de se tornarem cada vez mais populares em números, muitos gatos, ainda pela ideia errônea de "independentes" nunca vão ao veterinário para algo além das vacinas - isso quando não recebem somente a anti-rábica gratuita de campanha - e sua natureza sensível à mudanças de ambiente e manipulação por estranhos acaba fazendo com que exames de rotina, como os de sangue, sejam evitados até que algum problema de saúde esteja evidente.

Animais que acabaram de ser resgatados das ruas DEVERIAM ir imediatamente ao veterinário para fazer não somente a primeira consulta de estado geral ( verificação de saúde, peso, controle de parasitas internos ou externos e primeiros esquemas de vacinação ) mas também um exame de sangue completo, juntamente com os testes de FIV e FELV ( Aids e Leucemia Felina ). 

Baunilha fez seu 1º exame de sangue aos 6 meses e repetiu quando fez 1 aninho :) 

Gatinhos saudáveis a partir de 1 ano de idade devem fazer hemogramas completos como parte de sua rotina de check-ups anuais, pois muitas doenças felinas são silenciosas e apenas se manifestam quando a enfermidade já está em uma fase crônica ou avançada. Animais a partir dos 7 anos de idade também podem ser testados para possíveis problemas de tireoide. 

Exames de sangue são essenciais para identificar doenças em seu estagio inicial, quando elas são mais facilmente tratáveis. 

O exame de sangue é recomendado para:

*Verificar se seu animal possui algum problema de saúde que possa ser identificado antes de se tornar sério. 

* Eliminar possíveis problemas nos rins ou figado no caso do seu bichinho precisar tomar ou após o uso de  algumas medicações que atingem esses órgãos 

*Estabelecer valores que representam “ uma boa saúde” para cada animal em particular. 

Se eu tivesse feito exames rotineiros no Arthur, talvez a crise 
metabólica causada pela ração pudesse ter sido evitada :( 


Os exames de sangue devem se tornar uma rotina dentro do check-up anual do seu bichinho de estimação. 

Animais idosos ou com problemas crônicos de saúde podem precisar repetir o exame mais vezes durante o ano. 

Quando exames de sangue são feitos anualmente, os resultados são catalogados. Então é possível fazer uma revisão destes exames e identificar anormalidades ou tendências antes que doenças mais sérias possam se desenvolver. 

Animais mais velhos possuem um risco maior de doenças crônicas nos rins, figado ou problemas endócrinos. Enquanto são jovens os sinais de problemas podem não estar aparentes e seu pet pode parecer normal. Testes de sangue frequentes ajudam a identificar problemas de saúde antes que eles se tornem difíceis de cuidar e ameaçar a vida do seu bichinho. 

O QUE UM EXAME DE SANGUE PODE APONTAR?

*PERFIL BIO-QUÍMICO 

O perfil bio-químico analisa como diversos órgãos estão funcionando. O perfil bio-químico pode ter algumas singelas diferenças nas substancias analisadas de acordo com cada laboratório Os parâmetros mais comuns a serem analisados por todos são: função renal ( creatinina e BUN - nitrogênio ureico do sangue ) e função hepática ( TGO, TGP, GAMA GT e BILIRRUBINA- quer saber mais? Clique aqui! ). Este perfil também analisa os níveis de açúcar no sangue, cálcio, colesterol, potássio e as proteínas totais. 

muitos gatinhos renais ou hepaticos só vão ao veterinário quando começam a definhar :( 

*CONTAGEM TOTAL DE CÉLULAS SANGUÍNEAS 

A contagem das células sanguíneas mede o número de células de diferentes tipos circulando pela corrente sanguínea. Existem 3 tipos principais de células sanguíneas: células vermelhas, células brancas e as plaquetas. Uma contagem baixa de células vermelhas pode indicar anemia. Um número alto de células brancas pode indicar infecção, inflamação cronica ou outras doenças. 

*TESTE DE FUNÇÃO DE TIREOIDE 

Para avaliação da glândula tireoide, geralmente os veterinários fazem um teste especifico chamado T4. Se há suspeita de doença de tireoide ou se os níveis do T4 aparecem elevados, perfis mais detalhados da tireoide felina também serão feitos. 

INTERPRETANDO OS RESULTADOS DO EXAME.

Interpretar resultados de sangue é uma ciência e arte. Diferentes laboratórios irão estabelecer diferentes parâmetros “normais” de valores de referencia, mas “normal” é um conceito relativo a cada individuo. Por exemplo, níveis elevados na função renal podem não significar que há um problema renal. Talvez possa apontar que o gato estava levemente desidratado na hora do exame. 

gatinhos adeptos da alimentação natural podem ter resultados levemente "alterados" já que os parâmetros da maioria dos laboratórios trabalham com animais que comem ração. e isso não significa que estão doentes :) 

Testes adicionais como o de urina podem ser solicitados para ajudar o veterinário a estabelecer um diagnostico mais apurado. Para um quadro completo da saúde do animal, exames de sangue mais especificos e exames de fezes também podem fazer parte do check-up.   

Gatos não podem nos dizer como eles se sentem, por isso os exames de sangue regulares são a melhor maneira de identificar um problema de saúde em potencial antes que seu gato comece a mostrar e sofrer com os sintomas.  

Texto construindo a partir de informações em:

https://www.vcahospitals.com/pdf/corporate/vca_blood.pdf

http://consciouscat.net/2012/08/13/bloodwork-for-your-cat-why-its-important-and-what-it-means/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.