30 de jun de 2014

Como cuidar de um gato com Doença Renal Crônica?

Traduzido de The Conscious Cat - http://consciouscat.net/2014/06/30/care-cat-chronic-kidney-disease/

DOENÇA RENAL CRÔNICA, também conhecida como FALÊNCIA RENAL CRÔNICA é uma condição comum para gatos que estão envelhecendo. É o resultado gradual da diminuição do funcionamento dos rins.

A FUNÇÃO DE RINS SAUDÁVEIS

Rins saudaveis são como um filtro para remover impurezas do corpo. Eles regulam eletrolitos como o potassio e o fosforo e produzem eritropoietina que estimula a produção de celulas vermelhas sanguineas. 

diferenças entre rim normal "hidratado" e rim com doença renal crônica

Rins tambem produzem renina, que contribui para regular a pressão sanguinea.

Os rins também tem um papel importante para transformar vitamina D em uma forma que o organismo possa usar para controlar e balancear o calcio no corpo.

SINAIS DE DOENÇA RENAL CRÔNICA

Os sinais desta doença podem ser bem sutis no começo e incluem aumento de sede e de urina, vomitos e outros sinais de nausea, letargia ou depressão, pelo opaco e com falhas, perda de apetite, ficar em cima da vasilha dagua, comer a area higienica, constipação, um forte odor de amonia no halito e até mudanças na visão e audição.

gatinhos renais crônicos, em sua maioria, apresentam perda muscular e magreza :( 

DOENÇA RENAL CRÔNICA É IRREVERSÍVEL

Não há cura para a doença renal, mas o animal pode-se manter saudável com um manejo adequado. Diagnosticar a doença no inicio aumenta o prognostico favorável para uma vida longa e com qualidade ( Leia também - A importância dos exames de sangue de rotina )

A terapia para a falência renal crônica deve focar em:

1-  HIDRATAÇÃO

2-  Diminuir o acumulo de toxinas no corpo

3-  Tratamento imediato de doenças secundárias e reversíveis ( infecções, hipertiroidismo, etc. )

4-  Manter um nível adequado de sangue circulando pelos rins

5-  Minimizar maiores danos

MODIFICAÇÕES DIETETICAS

Gatos com doença renal PRECISAM de umidade em suas dietas, então a ração seca é contra-indicado.

Há controvérsias em relação à restrição de proteína para estes animais. Enquanto muitos veterinários receitam as famosas “rações terapêuticas” não há evidencia solida de que a restrição de proteína para carnívoros estritos pode prevenir mais danos aos rins, especialmente nos estágios inicias da doença.

No entanto, há evidências fortes que a restrição de fosforo é a melhor abordagem para estes gatos. ( Leia também - Doença renal, fosforo e dietas cruas )

um dos pratos da dieta de proteção renal do Arthur, com baixo fosforo :) carnes CRUAS e FRESCAS e vegetais!
muito melhor do que grãos marrons e secos, não? :) 

A restrição de proteína pode trazer mais problemas do que benefícios. Além disso, essas “rações renais” geralmente possuem um gosto muito ruim e muitos gatos se recusam a comê-la.

E mais importante do que o tipo de alimento que seu gato está comendo, é que ele esteja comendo.

FLUIDOTERAPIA

Gatos com doença renal cronica urinam muito e por isso ficam desidratados. A desidratação pode ser evitada com patê de lata ou alimentação natural e, encorajando os seus gatos a ingerirem liquidos.

No enquanto, frequentemente estes gatos se sentem muito mal e não querem comer ou beber o suficiente para ajudar na doença. É nessa etapa que o seu veterinário pode prescrever a fluidoterapia. Fluidoterapia também ajuda a filtrar produtos toxicos pelos rins.

fluidoterapia subcutânea 

Os gatos irão precisar de fluidoterapia intravenosa, feito pelo veterinario na clinica, ou subcutânea, que podem receber em casa. Dependendo do estagio da falencia renal, gatos podem receber fluidoterapia uma vez por semana ou até mesmo todos os dias.

SUPLEMENTOS

Suplementos naturais para fortalecer a saúde renal são benéficos e estão disponíveis em formas de ervas, homeopatia ou nutracêuticos. É importante encontrar um profissional especializado neste tipo de tratamento e somente com as devidas recomendações, administrá-los para seu gato.

FAZENDO COM QUE OS GATOS COOPEREM COM O TRATAMENTO

Um dos aspectos mais frustrantes do tratamento de doença cronica renal em gatos é fazer com que eles cooperem com os diversos manejos necessários.

Frequentemente a necessidade de várias pilulas e suplementos por dia, além do stress da fluidoterapia podem afetar os laços entre gatos e seus donos.

carinho e paciência são fundamentas  :) 
O manejo da doença renal deve ser o mais efetivo possível, para minimizar os momentos de estresse entre o gato e seu humano. 

3 comentários:

  1. que alimentos são indicados para gatos renais, além da ração adequada? Há alimentos que ajudam no trato dessa doença?

    ResponderExcluir
  2. Tenho um gato mistura de Persa com Siamês com nove anos de idade que está com insuficiência renal crônica. Ele perdeu muito peso e agora está apresentando perda de pêlos, com aparecimento de pequenas feridas. Ele não aceita alimento algum (basta cheirar a ração renal para ter ânsias de vômito) e estou diluindo patê a/d hills com água para dar a ele com ajuda de uma seringa. Procuro alimentá-lo de 3h em 3h, mas nem sempre é possível. Gostaria de saber como preparar a dieta com carne crua e vegetais para que ele volte a comer sozinho e tenha uma melhor qualidade de vida.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Danielle, dieta para animais renais deve ser prescrita apenas por veterinário especialista. O Arthur é cliente da dra.Sonali Aranha, do Tendencias Naturebas Pets, entre em contato com ela :) https://www.facebook.com/pages/Tend%C3%AAncias-Naturebas-Pets/306430422715624?fref=ts

      Excluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.